sábado, 15 de julho de 2017

Você tem Perfil Empreendedor?

O empreendedorismo é característica essencial para um bom empresário. Ele impulsiona um negócio, levando-o a crescer e se destacar no mercado. É graças à visão empreendedora que existem histórias de gente que começou do zero e acabou em capas de revistas contando como conseguiu transformar um momento de dificuldade na oportunidade certa para formar um império.

 Por outro lado, sem essa qualidade fundamental, o empresário está fadado à estagnação. Para garantir sucesso nos negócios, o segredo é saber empreender.

Se você abriu uma empresa e quer dirigi-la de forma inteligente, a primeira coisa que deve ter em mente é que o perfil empreendedor pode ser construído! Profissionais que trabalham em áreas como marketing derrubaram o mito de que a criatividade é um dom e hoje sabem que qualquer ser humano pode inovar se usar as técnicas certas e treinar o cérebro para isso. Com o empreendedorismo não é diferente.

Há algumas iniciativas e hábitos que podem ser adotados para ajudá-lo a se tornar um empresário de sucesso!

1 – Aprenda a identificar as oportunidades

A maioria das pessoas que fica desempregada vai procurar um novo trabalho. O empreendedor fará diferente! Ele é aquele que sabe identificar oportunidades. Ele vai abrir o próprio negócio, aproveitando os conhecimentos que tem sobre os processos de produção e o comportamento econômico do setor. Também é graças a essa característica que grandes empresas constantemente ampliam o ramo de atuação.

Gestores à frente de corporações de sucesso enxergam as oportunidades de exploração do mercado e lançam nele produtos e serviços para atender a novos nichos. Portanto, informe-se e estude sobre o mercado em que irá atuar para identificar as oportunidades.

2 – Aja!

De nada adianta identificar uma boa oportunidade de negócio e ter uma ideia inovadora, se ela não for concretizada. Planos, apenas, não significarão o desenvolvimento da empresa ou melhores lucros. Ações, sim! O empreendedor não tem medo de agir.

Um bom empresário precisa ousar e tomar decisões nos momentos certos. São essas iniciativas que possibilitarão o crescimento do negócio. Claro que tudo deve ser feito com responsabilidade, afinal, um empreendedor não é um aventureiro. Pelo contrário! E esse é justamente o tema do tópico abaixo.

3 – Corra riscos calculados
O empreendedor sabe correr riscos. Ele se lança em novos projetos e não tem medo de investir seu dinheiro nas oportunidades que lhe aparecem. Porém, tudo é feito de forma calculada. Um verdadeiro empreendedor faz pesquisas de mercado, estuda de forma minuciosa os procedimentos necessários para implantação do possível negócio e mede detalhadamente todos os prós e contras. Ele só vai investir se essa balança apontar índices vantajosos e seguros.

O importante é ter tudo bem planejado e conseguir trabalhar com uma margem bastante curta para a possibilidade de insucesso.

4 – Planeje o presente e o futuro
Um empresário deve ter amplo controle das finanças, manter-se longe de longos financiamentos e dívidas, trabalhar com capital de giro adequado e possuir um fundo reserva para investimentos futuros. O empreendedor é organizado e sabe que planejamento é a alma de qualquer negócio. Ele alcança esse cenário tão positivo simplesmente porque planeja! Um gestor eficiente consegue estabelecer metas e as persegue de forma a garantir o crescimento dos negócios.

5 – Seja comprometido e persistente
Preguiça e desistência são palavras que o empreendedor não conhece. Ele é altamente comprometido com o próprio negócio. O empresário que sabe empreender tem gosto pelo trabalho e persiste em seus planos até conseguir colocá-los em prática. Como vimos no terceiro tópico, antes de ingressar em um novo projeto, ele terá feito vários estudos que indicarão os passos necessários para a implantação e estará ciente da viabilidade financeira. Portanto, estará preparado para enfrentar as dificuldades e dedicará todos os seus esforços para alcançar seus objetivos.

6 – Exija qualidade
O empreendedor é perfeccionista. Ele exige de seus funcionários que os produtos e serviços tenham máxima qualidade e quer que a empresa alcance um alto nível de excelência. O empresário com visão empreendedora tem essa característica simplesmente porque quer ser o melhor. Ele não cogita a possibilidade de ver a concorrência prestando um serviço mais eficiente do que aquele oferecido na sua empresa. Assim, ele garante a satisfação dos clientes e o sucesso dos negócios!

7 – Motive sua equipe
O empreendedor sabe que não consegue trabalhar sozinho. Por isso, ele vai encontrar meios eficientes de motivar a equipe: pode ser um plano de gratificações, um bônus no final do mês ou um elogio. O que importa é valorização dos colaboradores. Dessa maneira, o verdadeiro empreendedor vai conseguir fazer com que os funcionários acreditem em seu sonho e que todos trabalhem juntos para realizá-lo. Ao final, quem ganha é a empresa!

8 – Busque informações e se atualize
Não importa se a empresa já tem 20 anos e está bem consolidada no mercado, o gestor com visão empreendedora não quer ficar preso ao passado. O empreendedor é ávido por informações. Ele sempre quer se atualizar, participar de capacitações, cursos, workshops e feiras que lhe permitam conhecer o que há de mais moderno no seu ramo. Quando o negócio está começando essas são atitudes vitais! Se o empresário não se preocupar com inovação dificilmente vai conseguir conquistar o mercado.

9 – Saiba enfrentar crises
Não importa se o problema for uma mudança brusca na economia ou o surgimento de uma concorrência desleal, o empresário com perfil empreendedor vai encontrar uma forma criativa para enfrentar o momento. O empreendedor tem consciência de que toda empresa está sujeita a uma crise. E ele deverá estar preparado! A solução pode estar tanto na criação de um produto inovador, quanto no lançamento de uma promoção. O importante é que o gestor encontrará uma forma de retomar a competitividade.

10 – Admita os próprios erros
Por fim, o empreendedor de verdade é aquele que não se deixa levar pelo ego. Ele sabe admitir os próprios erros e quando isso acontece trabalha para buscar as soluções. Um empreendedor faz avaliações constantes sobre a forma como administra o próprio negócio e a partir desse senso crítico consegue implantar novas estratégias de gestão. Ele também sabe ouvir sugestões dos colaboradores e principalmente as queixas vindas dos clientes. Um empreendedor não enxerga os erros como algo negativo, mas como uma oportunidade de acertar.

Você se identificou com o perfil empreendedor? Tem utilizado essas características para dirigir sua empresa? Compartilhe aqui sua experiência!

O seguinte texto Você tem Perfil Empreendedor? foi postado pela primeira vez no Canal Guia Instituto Usuário Online.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

Quanto Ganha um Profissional de Marketing?

Muito se houve falar sobre o profissional de marketing atualmente, mas antes de fazer uma faculdade ou curso online na área é importante conhecer melhor o mercado de trabalho e quanto ganha este profissional para ter certeza de que é isso que quer.

Além destas informações básicas, se identificar com a área é de extrema importância, pois mesmo que o mercado esteja favorável e o salário também, se não houver familiaridade com a profissão de nada adiantará entrar neste mercado.

É difícil definir com palavras tão exatas uma profissão tão versátil, mas podemos dizer em palavras simples que o profissional de marketing ajuda o produto ou serviço a ficar mais atraente aos olhos do consumidor, colaborando assim com a venda dele.

Para este cargo é necessário que o profissional seja comunicativo, criativo, extrovertido, versátil, flexível, organizado e muito mais.

Mercado de trabalho na área de marketing

 O chamado marketing tradicional, aquele feito offline (fora da internet) não perdeu tanto espaço como as pessoas imaginam. É lógico que o marketing digital ganhou bastante espaço e é essencial atualmente, mas outras estratégias de marketing que envolvem eventos, TV, rádio, revista, jornal, etc. também devem continuar valendo.

Porém, o destaque vão para as agências digitais, onde o marketing deve imperar, seja em qual área for, pois desde o desenvolvimento de um site, mesmo que haja um profissional de programação, o marketeiro deve saber avaliar o público e como o site deve ser criado. Foram mais de 2 bilhões de reais faturados em 2012 neste segmento digital, conforme mostra infográfico do Censo 2012.

 Ou seja, o mercado está em expansão e relacionado tanto a agencias digitais como a empresas que querem vender seus produtos e serviços de forma mais eficaz, então o profissional pode trabalhar em qualquer área, desde no marketing esportivo até um marketing político ou o tradicional marketing de vendas.

Escolha a área que mais se identifica e busque as informações necessárias com cursos online na área, o que otimiza seu tempo e dinheiro.

Quanto ganha um profissional de marketing atualmente


O salário pode variar de acordo com a região, assim como em qualquer profissão escolhida, mas de acordo com dados do Conselho Federal de Administração, o salário inicial na área é de R$ 2.000.

Claro que com a atual valorização deste profissional em grandes centros um bom perfil chega facilmente aos 5 mil reais por mês.


O seguinte texto Quanto Ganha um Profissional de Marketing? foi criado primeiramente no portal Guia Instituto Usuário Online.

quinta-feira, 13 de julho de 2017

5 Segredos dos Profissionais de Sucesso

Já ouviu aquele caso “estudamos juntos e hoje ele está rico e eu não”? Pessoas com as mesmas oportunidades podem ter destinos bem diferentes, não é mesmo? 
Então conheça os segredos dos profissionais de sucesso.


Se você acha que isso ocorre por sorte, está muito enganado! Tem destaque aquele que se dedica, procura aprender mais e cumpre sua função com excelência. Desse modo, consegue sempre melhores oportunidades na carreira e chega ao sucesso.

Cabe ressaltar que o caminho para o sucesso não é o trabalho incansável. A qualidade do profissional e sua capacidade de colaboração é o que realmente importa para a função que desempenha e para a equipe da qual faz parte.

Mas quais as práticas para alcançar o sucesso profissional? Revelamos o segredo para que você também chegue ao topo. Confira!

Não pare de correr atrás do conhecimento: estude e se especialize

Estamos na era do conhecimento compartilhado, da internet, de muitas informações, das tendências, da competição entre empresas e entre profissionais. Para se sobressair é preciso assimilar um pouco de tudo: saber sobre as principais notícias, ter conhecimento geral para trazer valor onde quer que esteja e, principalmente, saber tudo sobre sua área de atuação.

Se não é possível fazer faculdade no momento, faça um curso para se especializar ou se atualizar.

Hoje há opções para todas as áreas e o melhor é que você encontra possibilidades acessíveis e até mesmo online, permitindo flexibilidade de horários e praticidade para você.

Quem sai em busca do conhecimento, o leva para qualquer empresa e é isso que os recrutadores apreciam! Você estará na frente de muitos profissionais!

Peça feedbacks

Se está trabalhando ou em busca de emprego, peça feedbacks, ou seja um retorno, uma opinião, de quem está a sua volta. Pergunta, sem medo da resposta, como as pessoas o enxergam, quais suas qualidades e defeitos e como poderia melhorar. Isso o ajudará a fazer uma autoanálise e, assim melhorar cada vez mais.
O profissional de sucesso sempre pede feedbacks porque deseja melhorar constantemente para ser sempre participativo, útil e criativo onde quer que esteja.

Encare os desafios

Muitas vezes, o profissional tem que fazer tarefas além das que imagina serem necessárias. Jamais veja isso como algo ruim, pelo contrário: enxergue aí uma oportunidade para aprender. Portanto, não pense que você não é capaz. Encare cada desafio e se dedique a vencê-lo. Certamente você será elogiado pelos gestores da empresa e pelos colegas de equipe.

Dê sua opinião se baseando em argumentos

Dentro de uma empresa, o profissional pode propor medidas para melhorar a produtividade, o ambiente de trabalho, dar sugestões sobre o processo ou mesmo fazer queixas. Porém, tudo precisa estar baseado em argumentos sólidos que possam ser exemplificados com situações reais no dia a dia da empresa.
Quem colabora de forma a enriquecer o trabalho de todos, ganha muitos pontos dentro da empresa e se aproxima mais de uma promoção.

Vá além do cumprimento das obrigações

Organizar os horários, prioridades e executar bem cada tarefa é essencial para quem quer se manter no emprego. Quem quer ter sucesso na carreira contribui mais na empresa e para cada tarefa traz um diferencial. Assim, dentro do quer for permitido, dê novas ideias para ao atendimento de clientes, por exemplo, otimize seu tempo e ajude até mesmo os colegas. Tudo isso demonstra comprometimento com o cargo.

Por fim, vale lembrar que há os conselhos que nunca saem de pauta para quem quer ter sucesso profissional. Ser pontual, se vestir adequadamente, ser educado, prestativo e discreto são alguns deles. Somando-os às dicas do post de hoje, será fácil se destacar no mercado de trabalho!

E você? Está pronto para o sucesso? Comente!

Este artigo 5 Segredos dos Profissionais de Sucesso foi criado primeiro no Blog Guia Instituto Usuário Online.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

As 10 Profissões MENOS Valorizadas no Brasil e no Mundo

Você precisa se decidir por um curso, mas quer saber quais as profissões menos valorizadas? Saiba aqui aquelas que, infelizmente, não possuem muito valor no Brasil e no mundo.

Você gostaria de saber quais são as profissões menos valorizadas no mercado brasileiro?

De acordo com uma pesquisa realizada no final do ano passado, o cargo de recepcionistas e vendedores de porta em porta estão no topo da lista. Foram analisadas mais de 2 mil profissões partindo da quantidade de vagas de empregos disponíveis, potencial de desenvolvimento e estabilidade e projeção financeira.

Enquanto isso, nas vagas mais promissoras, que são desenvolvedores web e cirurgiões, foi registrado um aumento de até 20% nas vagas anunciadas, o que confirma a tendência geral da economia e de previsões de investimento em infraestruturas anunciadas por meio do governo.

As profissões menos valorizadas no Brasil

As 10 carreiras que são menos valorizadas no mercado de trabalho brasileiro tem muito a ver com as mudanças na economia, avanços tecnológicos e o excesso de pessoas formadas na área. Essas três variáveis citadas é, de acordo com especialistas, as carreiras que possuem um menor número de vagas no mercado de trabalho.

Você pode perceber que a maioria delas está inserida dentro da área de humanas, que são as responsáveis por dispor do maior número de vagas em faculdades e universidades, uma vez que os cursos são os mais acessíveis por meio das instituições. Como resultado se tem a colocação de um maior número de recém-formados todos os anos ao mercado de trabalho.

Na lista das profissões menos valorizadas no Brasil, estão:

  1. Antropologia;
  2. Sociologia;
  3. Geografia;
  4. História;
  5. Jornalismo;
  6. Direito;
  7. Psicologia;
  8. Venda porta a porta;
  9. Pedagogia;
  10. Serviço Social.

É importante ter em mente que essa é a posição atual do mercado de trabalho, então ao se decidir por cursar um determinado curso, leve em consideração que esse quadro pode mudar. As profissões menos valorizadas hoje podem ser as mais valorizadas amanhã, nunca se sabe como vai estar o mercado daqui a três ou quatro anos.

O fundamental é se dedicar à profissão escolhida, estudando e se especializando, além de buscar ter mais e mais experiência, para se tornar um bom profissional, pois este sempre tem oportunidades. Invista em seu conhecimento e com muita dedicação você pode encontrar o sucesso com a carreira que você escolheu, fazendo o que gosta.

As profissões menos valorizadas no mundo

De acordo com um levantamento realizado no ano de 2013, levando em conta profissionais recém-formados (jovens entre 22 e 26 anos) e profissionais com mais experiência (idades entre 30 e 54 anos), as 10 profissões menos valorizadas no mundo são:

  1. Antropologia e Arqueologia
  2. Artes relacionada a vídeo e fotografia
  3. Artes plásticas
  4. Filosofia e teologia
  5. Artes
  6. Música
  7. Educação física
  8. Design gráfico
  9. História
  10. Literatura e letras

Os critérios que foram levados em conta foram o salário de pessoas recém-formadas, os salários de profissionais com mais experiência, taxa de desemprego entre os profissionais com mais experiência e a taxa de desemprego entre os recém-formados. Caso o critério “satisfação pessoal” fosse analisado, o resultado poderia ser diferente.

A triste realidade do reconhecimento profissional

Para os profissionais das áreas menos valorizadas essa é uma realidade triste, já que essas são as profissões que tornam suas vidas mais prazerosas. Saber que são as áreas que dão menos dinheiro não é animador para quem gosta da profissão, mas na hora de optar pelo curso acaba mudando de ideia e buscando fazer o que menos lhe dá prazer, devido ao valor financeiro que o cargo pode dar.

É claro que o dinheiro não deveria ser o fator decisivo nas escolhas profissionais, porém um jovem universitário que tem quatro anos pela frente de ensino superior, mais especialização acaba desanimando ao ver o retorno financeiro que o espera e isso faz com que ele acabe por optar por uma carreira de segundo plano.

O sucesso profissional se conquista com muito esforço e dedicação, mas se o profissional não ama o que faz, ou muitas vezes nem suporta, como vai ser feliz em sua vida como um todo? Chegará em casa desmotivado e sem vontade que chegue o outro dia para voltar ao trabalho e com o tempo pode até tratar mal as pessoas do ambiente de trabalho.

O que fazer nesse caso, estudar anos e ser o profissional que sempre quis ou se tornar o profissional que precisa ser financeiramente?

É importante encontrar um equilíbrio, como mencionado acima, se você optar pela profissão de que gosta, poderá ser o melhor profissional na área e se realizar profissionalmente por completo.

O post As 10 Profissões MENOS Valorizadas no Brasil e no Mundo foi postado inicialmente no Site Guia Instituto Usuário Online.

terça-feira, 11 de julho de 2017

O que Preciso para Abrir uma Pequena ou Média Empresa?

Ter um negócio próprio é o sonho de muitas pessoas, então estar preparado para abrir sua pequena ou média empresa é a melhor maneira de garantir que seu negócio tenha sucesso quando tiver a oportunidade de ser seu próprio patrão.
curso-online-de-administraao-de-pequenas-e-medias-empresas

É por isso que muitas pessoas fracassam como empresários: as oportunidades aparecem, mas elas não se encontram preparadas para agarrá-las e transformar a boa ideia em sucesso.

Mas como estar preparado para abrir uma pequena e média empresa? 

Já pensou em começar adquirindo os conhecimentos necessários fazendo cursos online na área, como por exemplo um curso online de administração de pequenas e médias empresas?

Assim já começa sabendo dos riscos que pode encontrar, do que será necessário para um bom planejamento, como pode avaliar as oportunidades e encontrar a ideal para você, entre outras coisas.

Não adianta primeiro esperar uma boa ideia aparecer e somente depois buscar conhecimento para saber o que fazer com ela, pois o mercado está em constante evolução e enquanto você ainda está buscando conhecimento para saber o que precisa ser feito, alguém poderá já estar preparado e sai com esta ideia na frente, fazendo com que sua oportunidade não seja mais uma boa ideia de sucesso.

Além da preparação ao fazer cursos online de administração, para abrir uma empresa é preciso ter um perfil empreendedor, ou seja, ter habilidades para gestão, liderança, organização, disciplina e aperfeiçoamento do negócio. Para isso, busque sempre informações de como deve ser o perfil e um bom empreendedor e aprimore sempre as melhores características.

Lembre-se que para isso é preciso saber ser humilde e admitir que é necessário melhorar em alguns pontos importantes.

Lembre-se ainda que o planejamento e a pesquisa de mercado para análise do seu tipo de negócio são essenciais para descobrir se é mesmo rentável este tipo de negócio que quer seguir. Somente depois de treinar sua habilidade de paciência e obter os conhecimentos necessários em um curso online poderá entender como é extremamente importante o início de um negócio que, se mal começado, acabará logo e não terminará bem.

Esteja fora dos índices de empresas que fecham antes mesmo de começar a dar lucros e prepare-se para administrar uma pequena e média empresa da maneira correta, com conhecimentos necessários a todo empreendedor, que poderão ser aprimorados com o tempo nas mais diversas áreas.

A vontade de aprender também está entre um dos requisitos para montar sua pequena e média empresa, pois o dono do negócio deve sempre se atualizar.

Este artigo O que Preciso para Abrir uma Pequena ou Média Empresa? foi postado pela primeira vez no Site Guia Instituto Usuário Online.

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Por que sua empresa deve ter estratégia competitiva?

estrategia competitiva para empresas

Em primeiro lugar, estratégia competitiva é quando uma empresa decide competir no mercado em resposta às estratégias e das posições de seus competidores, a fim de ganhar uma vantagem competitiva sustentável.

Ao definir o posicionamento estratégico da sua empresa, o passo seguinte é definir as vantagens competitivas sustentáveis que serão desenvolvidas ou aproveitadas, partindo das competências e dos recursos disponíveis na empresa.

Entre as vantagens competitivas mais comuns, estão:

  • ser capaz de oferecer um serviço superior ao cliente;
  •  ter o melhor produto do mercado; estar em uma melhor localização geográfica;
  • obter custos mais baixos do que seus concorrentes; possuir estilos mais atraentes aos seus compradores;
  • tecnologia patenteada; nome da marca bem conhecido e  combinar bom serviço à qualidade e preço aceitável.

Mas para formar uma vantagem competitiva, a sua estratégia empresarial deve ter o objetivo de proporcionar para os seus compradores o que eles percebem como sendo valor superior, ou seja, um produto a preço menor ou então um produto bem melhor que vale a pena pagar a mais por ele.

Como conseguir esta tão sonhada estratégia competitiva?

Você pode se especializar mais sobre o assunto fazendo cursos online e pesquisando sobre a área.

É de grande importância que a sua empresa tenha uma estratégia competitiva frente aos concorrentes.

O único propósito de planejamento estratégico é tornar a sua empresa apta a ganhar vantagem sustentável em relação aos concorrentes.

Ela quem vai estabelecer uma posição lucrativa para a sua empresa contra as forças que determinam uma competição.

Em geral, as empresas podem adotar três tipos de estratégia competitiva:

  •  Estratégia de diferenciação: busca alcançar vantagens pela introdução de um ou de mais elementos de diferenciação em seus produtos e serviços, justificando assim, os preços mais elevados;
  • Estratégia de foco: é um tipo de estratégia para se obter vantagens competitivas ou então, pela oferta de produtos e serviços a um menor custo ou pela diferenciação deles, porém, em um segmento de mercado mais restrito ou localizado;
  • Estratégia de liderança em custos: visa obter vantagens competitivas em relação a oferta de produtos e serviços, a um custo mais baixo que de seus concorrentes.

Leia também: Como Empreender e Abrir um Negócio Online

Ter um planejamento estratégico ou formulação da estratégia competitiva é muito importante para a empresa.

Isso porque dificilmente ela poderá criar condições para responder a todas as necessidades, em todos os possíveis segmentos do mercado, onde dificilmente ela poderá mudar drasticamente suas condições de atendimento ou então pular de um segmento de mercado para outro.

Por isso, o planejamento estratégico é capaz de propiciar à empresa, uma identificação da direção em que pretende se mover, orientando suas competências para novas oportunidades de mercado, criando valores para os seus clientes atuais e potenciais.

O seguinte post Por que sua empresa deve ter estratégia competitiva? apareceu inicialmente no Site Guia Instituto Usuário Online.

sábado, 27 de maio de 2017

5 Truques para Melhorar a Produtividade Pessoal no Trabalho

Você anseia que sua produtividade aumente?

Você deseja obter mais atenção e mais disposição para concluir aquela tarefa relevante e grande que está na gaveta faz dias?

melhorar produtividade pessoal

Ás vezes, as interrupções e o próprio ambiente atrapalham o nosso rendimento, mas, na grande maioria dos casos, o problema está em nós próprios.

Eu já disse antes sobre como lidar com a procrastinação e também sobre dicas para gerir nosso tempo, e agora nesse artigo vou fornecer cinco formas, truques e ideias de fazer seu rendimento aumentar.

O que fazer para sua produtividade pessoal crescer

Inclua e venda seu projeto outros colegas

Quando você está com a atenção completamente focada em algum serviço, mas é atrapalhado por alguém da firma ou pelos familiares de casa, o que costuma ocorrer?

A atividade dificilmente vai ser cumprida, uma vez que essas interrupções desnorteiam o seu tempo e também a sua atenção no serviço.

Assim, fale para as pessoas ao seu redor sobre o seu trabalho, antes de mudar a sua produtividade pessoal.

Por exemplo, tente notificar à eles que você não vai poder atendê-los durante os próximos dias porque está fazendo uma tarefa relevante.

Execute a regra dos 2 minutos

Quando você tiver que fazer um novo serviço e ele puder ser terminado em menos de dois minutos, faça-o assim que puder.

Essa recomendação é do livro A Arte de Fazer Acontecer , de David Allen, ótimo livro para aqueles que querem fazer sua produtividade pessoal expandir.

Se você receber um pedido ou e-mail para terminar uma tarefa que irá levar menos de 2 minutos do seu tempo, realize.

Mas se você deixar essa atividade para ser feita depois, levará o mesmo tempo para anotá-la e vai sempre prorrogá-la quando recordar-se que precisa fazê-la.

Então, faça esse pequeno serviço e evite preocupações depois.

Elimine a procrastinação

 

Algumas atividades, como ficar checando a caixa de mensagem sem parar, ler blogs ou acessar as redes sociais, raramente vão contribuir para o término das nossas atividades, e geralmente a gente perde muito tempo com elas.

Acabamos levando mais tempo do que o suficiente para entregar o projeto essencial quando nos perdemos nessas pequenas tarefas diariamente.

Altere os seus hábitos para acabar com a procrastinação e teste usar alguns aplicativos no seu computador para não perder tempo com distrações.

Questione os Motivos

Se pergunte por que você pode fazer determinado serviço ou alguma demanda que alguém te trouxe.

Para mim, essa é a mais importante dica sobre produção pessoal.

Pois, muitas vezes, algumas atividades são desnecessárias tanto para a sua empresa quanto para você. São serviços da circunstância que farão pouca ou nenhuma grande diferença depois de serem ou não realizados.

O rendimento tem como meta a conclusão de serviços importantes, ao contrário de diversos serviços sem sentido algum.

Adote um bloco de anotações

Sugiro que você leve um bloco de notas dentro do seu bolso. Ele vai ser necessário por dois motivos:

Tabela do que fazer: você vai poder utilizar como uma folha do que criar. Proponho que você aprenda a criar listas do que executar…

Lembretes: é bem comum termos ótimas ideias ou nos lembrarmos de alguma coisa para ser terminada durante o dia e se não as escrevermos, vamos nos esquecer delas.

Você pode trocar o bloco de notas por um celular ou por um aplicativo de lembretes como o Evernote.

Bote a mão na massa: Realize

Se você já viu outros posts meus, sabe sobre minha insistência em falar para você realizar as recomendações disponíveis nesse site.

Não é necessário realizar tudo de uma só hora. Aliás, não faça isso.

O necessário é pegar as dicas que você ache mais adequadas para você praticá-las.

Quando você fizer essas dicas, a toda a sua administração do tempo irá aperfeiçoar bastante e você vai conseguir diversos sucessos!

Abraço e até a próxima!

O texto 5 Truques para Melhorar a Produtividade Pessoal no Trabalho apareceu inicialmente no Canal Guia Instituto Usuário Online.

sábado, 15 de abril de 2017

Como Criar um Blog para Alavancar a sua Carreira Profissional

 

Hoje eu acordei e vi que um amigo havia me mandado um email perguntando sobre como poderia proceder para criar um blog.

A sua ideia era usar o novo espaço para escrever sobre temas ao qual ele tem que lidar diariamente na sua profissão, de forma a expor o seu trabalho e melhorar a sua colocação no mercado.

Há poucos dias, o Gustavo Periard escreveu sobre a importância de manter blog empresarial em um mundo corporativo concorrido, então pensei em uma abordagem diferente para responder à esse amigo.

Ao invés de escrever um extenso email para ele, resolvi postar a resposta aqui.

Afinal, se ele tem essa dúvida/pretensão, é possível (até provável) que muitas outras pessoas pensem o mesmo, certo?

Vamos lá!

 

Cuidado com a confusão de conceitos e tipos de blogs

Bem, existem muitos tipos de blogs.

Neste caso específico, estamos falando de um blog que visa expor o trabalho de um profissional para o grande público.

Isto é ótimo e podemos ver bons resultados nos “blogs” do Gustavo Cerbasi (educação financeira) e no do Christian Barbosa (gestão do tempo).

Só que… o site desses dois profissionais realmente podem ser considerados como blogs?

O problema é que muita gente confunde o conceito de blog com uma página de vendas ou com um portfólio online.

Existem ferramentas,tal como o blogger (blospot) que são comumente usadas para fazer blogs, mas que também podem ser usadas para fazer vários outros tipos de sites, tal como portfólios, lojas, fotologs, etc.

Então o primeiro passo é: não confunda um blog com um portfólio online ou com uma página de vendas.

Voltando ao exemplo dos sites citados, eu respondo: não, o que eles tem ali não é um blog.

Eles tem um site que serve de portfólio eletrônico e de vendas (pois visam vender seus trabalhos como palestrantes e consultores), e dentro do portfólio deles, existe uma área de blog.

Ou seja, o conceito do site deles (como um todo) é muito mais abrangente do que o conceito de apenas um blog.

O que você precisa saber sobre blogs de sucesso

A ideia central de todo blog é a publicação de conteúdo. Se você vai fazer um site que vai ficar sem atualizações (porque talvez não precise), ele não é um blog, é um simples site.

Sendo assim, não é condizente nem interessante você criar um simples site destes e divulgá-lo como blog porque as pessoas podem esperar mais de você do que você pretende dar para elas.

Pense na seguinte situação.

Você fez um site aonde expõe todas as suas informações profissionais, um currículo virtual. Como você produziu alguns artigos para o seu curso de especialização em gestão de projetos imobiliários, decidiu colocá-los lá também.

Daí você começa a divulgar para as pessoas que você criou um blog sobre esse tema.

Muitas pessoas vão entrar e ler seus artigos, algumas irão inclusive virar leitores fiéis. Mas pera lá…

Seu curso terminou no mês passado e você não tem mais artigos para publicar e nem pensa em criar novos.

O que acontece com aquelas pessoas que esperavam ver mais conteúdo sendo produzido?

Você irá decepcioná-las. :(

Quando você menciona “blog” na internet, você está determinando que terá um espaço aonde terá novos conteúdos periodicamente.

O que eu quero deixar claro é que nem todo site é um blog, mas qualquer site pode ter um blog dentro do site.

Cuide da sua reputação profissional online

O maior problema de você gerar a expectativa errada no leitor do seu site é que eles podem não gostar e não voltar mais.

Pior do que isso, podem começar a falar mal de você por aí, gerando um efeito inverso do desejado quando você decidiu criar o seu “blog”.

Quando estamos falando de grandes empresas, que tem centenas de milhares de clientes ou cujos clientes não são pessoas, são outras empresas, esse problema quase não é um problema.

Só que se você tem por objetivo conseguir um novo emprego, prestar consultoria, fazer palestras ou simplesmente publicar a sua experiência para o grande público, você pode ter um grande problema ao gerar uma falsa expectativa.

Uma vez que você está inserido na internet, a sua participação continua por lá, quer você queira ou não.

Ou seja, você passa a ter uma reputação boa ou ruim. Se você tem uma boa reputação, seu nome será lembrado e citado por todos.

Se você tem uma má reputação, seu nome também será lembrado e citado por todos, só que dessa vez, com todo mundo descendo a lenha em você. Reverter isso pode ser uma tarefa (quase) impossível.

Sendo assim, tenha cuidado, muito cuidado.

Uma sugestão para manter sua boa imagem profissional na web

Bem, se o seu objetivo é utilizar um site para alavancar a sua carreira, a minha sugestão é que você siga o formato apresentado nos sites de grandes profissionais.

Desenvolva um portfólio e crie um blog em uma seção dele, o local onde você publicará seus artigos.

Mostre seus trabalhos, sua experiência e seu conhecimento, pois é isso que vai fazer a diferença para as pessoas que visitarem esse espaço.

Agora me diga, você tem um currículo ou portfólio online?

Se sim, compartilhe conosco a sua experiência, falando os resultados que obteve a partir dessa iniciativa.

Se não, pensa em criar um?

Lembrando que se você tiver alguma dúvida, utilize a nossa página de “Contato” para falar conosco.

A sua dúvida pode ter uma resposta em um artigo que vai ajudar não somente você, mas a todos os que passam por aqui!

O post Como Criar um Blog para Alavancar a sua Carreira Profissional foi postado inicialmente no Guia Instituto Usuário Online.

quinta-feira, 6 de abril de 2017

5 Etapas para Planejar uma Carreira Profissional de Sucesso

Está pensando no seu futuro profissional?

Como você vê sua carreira daqui 10, 15 ou 20 anos?

Veja neste artigo 5 dicas para planejar uma carreira profissional promissora para seu futuro.

Iniciando o planejamento da vida profissional

Planejamento de carreira profissional nada mais é do que um plano de carreira onde são analisados os passos que devem ser tomados para que se atinja a meta de carreira proposta, pelo próprio profissional. Veja + no vídeo:

 

Planejar a carreira é responsabilidade exclusiva do profissional:

É ele quem deve determinar seus objetivos e buscar caminhos para alcançá-los.

O planejamento de carreira motiva e guia o profissional a seguir os passos previstos para alcançar os objetivos traçados;

Permite que esses objetivos sejam mais facilmente alcançados, já que houve uma organização para tal.

O planejamento só é possível por meio de dedicação e estudo.

Etapas do planejamento de carreira profissional:

  1. Reflexão: Este é o primeiro passo para iniciar o planejamento. O profissional deve refletir sobre seus objetivos e competências antes de qualquer coisa;
  2. Fazer um teste psicológico: Estes testes mostram quais atividades combinam melhor com cada personalidade, e dão sugestões de profissões a serem seguidas.
    1. É muito importante que o profissional dê atenção não só ao sucesso financeiro que determinada profissão pode lhe proporcionar, mas também à realização pessoal, buscando uma área de trabalho que lhe possibilite sentir prazer e satisfação, ainda que pareça um tanto arriscado.
    2. Escolher um trabalho prazeroso e que o satisfaça aumenta muito as chances de crescimento e estabilidade;
  3. Analisar experiências anteriores: Pensar nas experiências passadas, erros e acertos, selecionar o que mais proporcionou crescimento e agregar todo o aprendizado adquirido para obter sucesso futuro;
  4. Estudar o próprio comportamento: Para se ter sucesso, é necessário possuir um comportamento adequado, ou trabalhá-lo.
    1. Analisar o espírito de liderança, as atitudes na hora de tomar decisões, a organização, administração do tempo e a maneira de solucionar problemas são características essenciais para qualquer tipo de profissão;
  5. Aproveitar as oportunidades: Depois de ter traçado todo o caminho a ser seguido, é hora de correr atrás e aproveitar todas as oportunidades que surgirem.

Ora dá pratica, siga seu plano e construa sua carreira

Agora é hora de colocar seu plano em ação.

Sega e vá adaptando seu planejamento a medida que sua carreira vai se desenvolvendo.

Com isto, certamente o seu sucesso profissional e pessoal será não somente uma conquista, mas uma consequência.

Este texto 5 Etapas para Planejar uma Carreira Profissional de Sucesso foi criado inicialmente no Site Guia Instituto Usuário Online.

segunda-feira, 27 de março de 2017

7 Dicas para Melhorar sua Reputação no Trabalho e Ser Bem Visto por Todos

Precisa melhorar sua reputação no trabalho?

Veja 7  super dicas para ter um relacionamento muito melhor com todos no ambiente profissional.

Desde crianças aprendemos que ter uma boa reputação, um bom caráter, uma boa postura, são elementos essenciais para qualquer ser humano.

Quando o assunto é mercado de trabalho e crescimento profissional, estes mesmos fatores devem estar sempre presentes.

Para se ter bons empregos é imprescindível saber se relacionar bem com os seus colegas de trabalho.

O trabalho em equipe hoje em dia está em evidência e a tendência é que isso cresça cada vez mais.

Concluir bem todas as suas atividades, sem prejudicar ninguém, trabalhos bem feitos e boa disposição são sempre mais bem valorizados.

Além disto, lidar com os problemas e crises do seu ambiente de trabalho, sabendo contornar os obstáculos e resolvê-los sem grandes dificuldades tornou-se uma característica profissional mais que necessária.

Assim, para saber como ter uma boa reputação no seu ambiente profissional, ter mais credibilidade no seu cargo, e desta maneira crescer mais profissionalmente, vamos neste artigo dar algumas dicas que se seguidas à risca trarão ótimos resultados.

1 – Não reclame, faça sugestões

Não há sem dúvida alguma nada pior do que lidar com uma pessoa que só reclama no ambiente de trabalho.

Para ela tudo é motivo de reclamar, xingar e se estressar.

Se você não quer ter essa fama do rabugento do setor, uma boa maneira de superar isto é sugerindo melhoras.

Faça as famosas críticas construtivas que tendem a unir mais a esquipe.

Saiba como falar e argumentar com os seus colegas e para todo problema, já tenha uma sugestão.

Isto só lhe fará bem!

2 – Prometeu? Então cumpra e mantenha sua boa reputação no trabalho!

As vezes para impressionar costumamos falar demais. E com isso acabamos fazendo promessas como os políticos.

Tenha noção do que você é realmente capaz de fazer. Só prometa se você for capaz de cumprir.

Não saia falando aos sete ventos que você sabe fazer um pouco de tudo.

Agora, se por acaso cometeu o erro de prometer algo que você não consegue cumprir, você tem duas opções:

  • 1) Admita o seu erro e peça desculpas sem a menor vergonha;
  • 2) Aprenda da noite para o dia e cumpra a sua promessa.

3 – Prepare-se antes de qualquer reunião de trabalho

Nada melhor que você já chegar numa reunião sabendo bem sobre o assunto do qual ela tratará.

Assim, estude sobre o que haverá na reunião. Aprofunde-se sobre o assunto sem medo.

Faça um roteiro com os pontos que você pretende abordar durante ela, assim como todas as dúvidas que você possuir.

Tenha sugestões para possíveis problemas que você possa vir a ver antes dos seus colegas.

Prepare a sua oratória e os seus argumentos.

Tenha postura ao apresentar os seus tópicos e tenha todo o cuidado possível para não ser nem um pouco arrogante.

4 – Seja empático, confiável e eficiente com a equipe

Não seja um profissional carrancudo.

Carregue sempre um semblante sereno e mostre aos seus colegas que você é uma pessoa na qual eles podem confiar.

Esteja sempre disposto a ajudá-los no que eles precisarem.

Se algo lhe for pedido não fique enrolando, faça assim que tiver disponibilidade.

Quanto mais eficiente, melhor o profissional. Quanto mais soluções você tiver, maior será a sua credibilidade.

Sua reputação agradece. :)

5 – Você tem potencial, acredite na sua força de trabalho

Saiba reconhecer seus valores, isso lhe fará ser mais reconhecido no seu ambiente de trabalho.

Mas jamais seja convencido, isto só lhe levará a perder.

Acredite que você pode aprender tudo o que for necessário.

Saiba do seu potencial e alie a ele a sua força de vontade de se destacar.

Acredite em você mesmo. Pessoas confiantes fazem toda a diferença.

6 – Proteja sua reputação fugindo das fofocas 

Em algumas empresas fofocas correm soltas pelos corredores.

Se você quer ter uma boa reputação, fique bem longe delas.

Assuntos pessoais devem ser tratados fora do seu ambiente de trabalho.

Se algum colega lhe procurar pedindo conselhos, não seja rude no entanto, apenas diga que no momento você não pode atendê-lo e marque para conversarem depois do expediente.

7 – Não fique no celular e nem acesse as redes sociais

Lembre-se que você está no seu local de trabalho. Nada de ficar de bate-papo ou vendo coisas engraçadas.

Você está ali com o objetivo de trabalhar e executar bem a sua função, de preferência melhor que os outros.

Portanto não se ligue a nada que possa desviar sua atenção.

Foque-se no seu trabalho e você só terá a ganhar.

Espero que este artigo lhe seja útil e te ajude a melhorar sua reputação no trabalho e lhe tornar um profissional com ima excelente imagem.

Abraço e bom trabalho!

 

O artigo 7 Dicas para Melhorar sua Reputação no Trabalho e Ser Bem Visto por Todos foi postado pela primeira vez no Site Guia Instituto Usuário Online.

quinta-feira, 23 de março de 2017

Guia de Como Elaborar um Excelente Currículo Profissional para Seu Novo Emprego

Guia foi desenvolvido para os alunos do GIUO de modo que dominem as técnicas de elaboração de um excelente currículo e, assim, aumentar suas chances de sucesso na procura de um emprego.

Nesta apostila iremos enfatizar a importância e objetivos do currículo além de explicar sua elaboração e oferecer várias recomendações e dicas importantes para sua elaboração.

Atualmente a concorrência para encontrar um emprego é muito grande.

As empresas recebem muitos currículos e a primeira atividade do Departamento de Recrutamento e Seleção é selecionar os currículos.

Somente os melhores currículos irão passar nesta primeira fase.

Assim, o candidato a emprego deve procurar aprender todas as técnicas que irão facilitar seu sucesso nesta primeira seleção e ser chamado para uma entrevista.

Quanto maior o número de entrevistas maior as chances de obter sua colocação.

Este guia tem como um dos seus objetivos sensibilizar nossos alunos para a importância estratégica desta grande peça de marketing do produto mais importante do mundo que é VOCÊ.

As Informações de um Currículo eficiente e Completo

1- Identificação ou Dados pessoais

  • Nome completo do profissional - preferencialmente no alto da página.
  • Endereço residencial completo - não esquecer de números como CEP,
  • Data de Nascimento
  • Estado Civil
  • Naturalidade
  • Telefone com DDD. Caso não tenha telefone coloque o número para recados e o nome da pessoa.
  • Celular
  • Email
  • Hora do dia em que pode ser contatado.

2-Objetivo profissional

  • Escreva o cargo que pretende ocupar ou a área de atuação.
  • Defina clara e resumidamente seu objetivo profissional (não ultrapasse uma linha). Lembre-se que todas as informações do seu currículo devem estar alinhadas com o objetivo profissional. Coloque o objetivo profissional e não objetivos pessoais. Os itens de seu currículo que não estão alinhados com o objetivo devem ser menos enfatizados ou não incluídos.
    Exemplos:
    Auxiliar de escritório, representante de vendas, secretária executiva etc. Cuidado: Não mencione que trabalhou em vendas durante um período se seu objetivo é ser supervisor de departamento de pessoal.

3-Escolaridade ou Formação Acadêmica

  • Nível de escolaridade que possui; nome do curso, data em que o terminou; escola ou universidade que freqüentou; média obtida (se esta for favorável).

4-Cursos de aperfeiçoamento

  • Os cursos de aperfeiçoamento, seminários, palestras, seminários, pós-graduação, especiais e técnicos devem ser relacionados colocando o mais recente primeiramente.
  • Não relacione cursos em excesso ou fora do objetivo profissional.
  • Não relacione cursos cuja tecnologia caiu em desuso.
  • Relacione palestras e seminários relevantes.
  • Não relate todo seu histórico escolar. Coloque o último curso que concluiu. Ex.: se possui curso superior não é necessário relatar em que escola cursou o 2º grau etc.

5-Experiência profissional

  • Inicie pelos cargos mais recentes.
  • Coloque somente os três últimos empregos ou os mais importantes para a vaga em aberto ou em relação ao seu objetivo profissional.
  • Indique Ano de entrada e saída, nome da empresa, o cargo ocupado
  • Para cada cargo faça uma breve descrição das atividades e realizações, grau de responsabilidade e resultados obtidos. Não se limite a dizer qual era o seu cargo e sim contar o que fez na prática pois isso é o que vai fazer a diferença. Este erro grande parte das pessoas comete.Use verbos de ação: realizei, implantei, organizei etc.
  • Destaque suas realizações que resultaram em benefício para a empresa. Exemplo: redução de custos, redução de despesas administrativas, melhor relacionamento com o mercado.
  • Aqueles que nunca tiveram emprego devem indicar: experiências de trabalho, remuneradas ou não, que tenham desenvolvido em tempo parcial ou sem vínculo empregatício. Indique estágios realizados (quando, onde e a função desempenhada) .
  • Não explique porque saiu dos empregos anteriores ou porque deseja sair do atual.
  • Não informe pretensão salarial ou último salário. Exceto se for solicitado pela empresa.
  • Identifique os diferenciais (incluindo bolsas de estudo, pesquisas, projetos de iniciação científica etc. .
  • Não coloque atividades que não estejam coerentes com seu objetivo. Exemplo: Você é candidato a uma vaga de Analista de Planejamento de Manufatura porém trabalhou em vendas durante um período.
  • Se foi promovido várias vezes enfatize estes fatos. Exemplos:Gerente Comercial da Divisão Metais.
    Fui o responsável por vendas, marketing, exportação, importação, desenvolvimento de produtos e mercados e serviço de atendimento ao cliente. Vendas em 2000: US$ 54 milhões.
    Aumentei a participação de mercado de 5 % para 25 %.

6-Idiomas

  • Ao mencionar conhecimentos de idiomas (línguas) indique o nível que domina: fluente, regular, básico, falar e/ou escrever.
    Exemplo:
    Inglês - fluente - falar e escrever
    Italiano - básico - ler.
    Espanhol - regular - ler e falar

7-Informática

  • Informe nível de conhecimento - noções ou domínio em programação, ambientes, etc.
  • Se souber usar a Internet coloque.

8-Viagens

  • Cite viagens ao exterior (mesmo que seja por turismo comprovando que adquiriu vivência fora do país, assimilou novas culturas e aprimorou determinado idioma.

9-Outras atividades

  • Indique eventuais atividades desenvolvidas (atividades culturais, desportivas, sindicais e associativas .

Currículo Cronológico

Características

  • A informação é apresentada em ordem cronológica (normalmente inversa) iniciando pela mais recente.
  • Muito apreciado pelos profissionais de recrutamento devido à rapidez, objetividade de leitura, ser claro, bastante esquemático, objetivo, muito direto e fácil de analisar.
  • É o mais usado.

Quando usar:

  • Deve ser usado por candidatos que descrevem uma história profissional sem interrupções, que evidencia um desenvolvimento harmonioso de carreir a.
  • Candidatos que procuram um próximo passo em sua carreira profissional

Quando não usar

  • Se possuir pouca experiência profissional.
  • Quando necessitar esconder um aspecto menos favorável.
  • Quando a última experiência profissional não é a mais relevante para o cargo pretendido.
  • Quando houve muitas mudanças de emprego.
  • Quando houve muitas mudanças de carreira.

Exemplos de currículos cronológicos

O currículo abaixo é apresentado em uma página e representa um profissional jovem. Nomes de pessoas e empresas são fictícios.

  Pedro Paulo Valente

Rua Bonsucesso 12 - apto. 401 - Rio de Janeiro -RJ

Tel: 7262 9874 (residência)

99 85 87 66 (celular)

pedro_paulo@xxx.com.br

Brasileiro, 28 anos, casado, um filho

Objetivo profissional: Representante de vendas

Escolaridade

Segundo grau - Colégio Plínio Santos

Informática

Conhecimentos como usuário: Excel, Word, Powerpoint, Outlook, Internet em geral

Cursos de aperfeiçoamento

1996: Curso de Técnicas de Vendas básico

1995: Curso de Técnicas de negociação

Diversos seminários em Marketing e Gerencia de Vendas

Experiência profissional

Desde 1998 até presente: Empresa Brasil Comercial.

- Representante de vendas - responsável pelos estados RJ, ES e MG

Atribuições / realizações:

  • Iniciei o mercado do ES tendo alcançado uma fatia de mercado de 35% em seis meses.
  • Reconquistei um grande cliente em MG representando 25% das vendas no estado.
  • Aumentei em 30% as vendas no mercado do RJ através de prospecção de novos clientes.

Ana Marinho Saldanha

Rua da Felicidade, nº23 - Rio de Janeiro, RJ

Tel: 7271 2876 (residência)

9153 4223 (celular)

Susana@xxxx.com

Brasileira, casada, 35 anos, dois filhos.

Objetivo profissional: Secretária executiva

Escolaridade

1998: Graduada em Línguas e Literaturas Modernas

UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Idiomas

Inglês - fluente - falado e escrito

Espanhol - fluente - falado e escrito

Informática

Word, Outlook, Excel, Powerpoint

Cursos de aperfeiçoamento

1996: Curso técnico de secretariado

Experiências Profissionais:

2000 até presente data: Brazil Trade - secretária

Principais atribuições:

1999: Unisys - operadora de Call Center

1997: Unisys - recepcionista

Currículo Funcional

Características:

  • O enfoque principal é a função em vez das empresas onde trabalhou.
  • A informação é agrupada pelas funções desempenhadas ou competências profissionais, independentemente da sua seqüência no tempo.
  • A história / experiência profissional é dividida em conhecimentos específicos/administrativos, capacidade de comunicação, resolução de problemas e conhecimentos técnicos. Exemplo: "Durante o estágio na empresa x tive oportunidade de desenvolver a função Y, onde me foi dada a possibilidade de adquirir conhecimentos na área de ...".
  • Ressalta os aspectos que considera mais adequados para a empresa ou cargo em questão.
  • A relação cronológica dos empregadores só é apresentada no final.

Quando usar

  • Quando se termina o curso superior e se procura o primeiro emprego.
  • Quando desempregado, destaque as realizações anteriores e não a situação atual.
  • Quando o cargo requer amplos conhecimentos da sua experiência profissional e não qualificações específicas acumuladas.
  • Para jovens profissionais com história profissional curta.
  • Candidatos cujo currículo apresente interrupções de carreira nem sempre fáceis de explicar.
  • Profissionais que pretendem mudar de carreira.
  • Profissionais cuja função atual não é a mais representativa das suas competências e realizações profissionais.
  • Quando desejar destacar a atividade profissional e as competências obtidas a partir dela.
  • Quando necessitar esconder determinados detalhes (Ex: média de curso baixa ou pouca experiência para o cargo a que se candidata.
  • Quando desejar criar espaço para uma apresentação pessoal na qual poderá convencer um potencial empregador que valorize a ambição, a capacidade de crítica e a capacidade de expressão.

Desvantagens

  • Muitos especialistas de recrutamento e potenciais empregadores o considerarem com desconfiança pois o encaram como dissimulador de pontos fracos, esconder informações etc.
  • É muito subjetivo e pode causar diferentes interpretações.
  • É, geralmente, muito extenso o que exige uma maior atenção por parte do selecionador que, muitas vezes, não dispõe de tempo e ignora o currículo e o candidato.

Exemplo de um currículo Funcional:

Nomes de pessoas e empresas são fictícios.

Rui Diniz Ferreira

Avenida York, 1274 apto. 301, Rio de Janeiro - RJ Brasileiro

Tel: 2234 5432 (residência) Casado

9912 3456 (celular) 39 anos

rdf@hotmail.com

Três filhos

OBJETIVO: Diretor administrativo / financeiro

FORMAÇÃO ACADÊMICA

1981 / 82 - MBA- Harvard University

1968 / 72 - Administração de empresas - PUC- Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro

IDIOMAS

Inglês - fluente - falado e escrito

Espanhol - fluente - falado e escrito

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

Desde 1972 atuo na área administrativo / financeira em empresas multinacionais como Gessy Lever, Monsanto, Johnson & Johnson. Segue abaixo um detalhamento de realizações e atribuições.

Controladoria

Implantei softwares de Business Intelligence que possibilitaram desenvolver um novo budget ou forecast em 20 dias.

Supervisionei a elaboração de vários budgets

Tesouraria

Na J&J atuei na redução de dias de cobrança tendo reduzido em 15 dias

Reduzi de 15 para cinco o número de bancos. Isto gerou redução significativa no trabalho diário da Contabilidade e Tesouraria com redução de mão de obra.

Contabilidade

Implantei um novo Sistema de Contabilidade e um novo plano de contas que possibilitou a redução em dois dias no tempo de fechamento mensal.

Custos

Na J&J implantei o novo de sistema de custo standard possibilitando análises de variações mensais.

Recursos Humanos

Na Monsanto a área de RH estava sob minha responsabilidade. Implantei um Departamento de Treinamento e Cargos e Salários.

Implantei um programa de sugestões que geraram reduções de custo de US$ 200,000 por ano.

Informática

Na Gessy Lever:

Coordenei o desenvolvimento de um Plano Diretor de Informática

Supervisionei o projeto de implantação de um novo servidor IBM para toda a empresa.

Supervisionei a implantação de um novo Sistema Integrado.

HISTÓRICO PROFISSIONAL

1986/88 - Gessy Lever - Controller

1983/86 - Monsanto -Diretor administrativo / financeiro

1980/83 - Consultor autônomo

1972/80 - Johnson & Johnson - Tesoureiro.

Currículo Cronológico Funcional

Características:

  • Tenta conciliar o modelo cronológico com a flexibilidade e versatilidade do currículo funcional. Este formato é o mais apreciado pelos profissionais de recrutamento.
  • Associa a ordem cronológica inversa das empresas com os cargos realçando a experiência funcional.
  • É o modelo mais forte e comunicativo.

Quando usar

  • Quando se encontrar no topo da carreira.
  • Quando se pretende mudar de empresa mas prosseguindo no mesmo ramo de atividade.
  • Quando necessita privilegiar a situação atual.

Exemplo de currículo misto:

Nomes de pessoas e empresas são fictícios.

João Rezende Neves

Rua Doutor Pedro Quintanilha, n.º 52

22666.090 - Rio de Janeiro - RJ

Tel: 2383 7937 (residência) 9182 3333 (celular)

OBJETIVO: AUXILIAR DE ESCRITÓRIO

ESCOLARIDADE

Segundo grau. - Colégio Plínio Santos

Rio de Janeiro - RJ

CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO

Curso de digitação - 1979
Curso de auxiliar de escritório - 1979
Curso de Controle de estoque - 1980

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

09/82 - atual

John & Linus Empresa multinacional americana que comercializa produtos de consumo e produtos farmacêuticos.

Auxiliar de escritório (04/83 - atual)

Digitador (09/82 - 04/83)

Como auxiliar de escritório executo todo serviço de controle de correspondência recebidas e enviadas, controlo todo o estoque de material de escritório através de planilhas em Excel, faço a digitação de contratos de vendas e consignação, executo conciliações bancárias etc

Minhas principais realizações e atividades foram:

Área de Controle de Correspondência

Organizei o setor, introduzi formulários de controle para evitar perda de documentos.

Controle de estoque de material de escritório

Desenvolvi e implantei uma planilha Excel de controle de estoque.

Identifiquei novos fornecedores e consegui uma redução de custo de 10%.

Digitação de contratos

Padronizei os tipos de contratos com o Departamento Jurídico.

Elaborei documentos em MS Word para agilizar a confecção de contratos com excelentes resultados para a empresa.

Conciliações bancárias

Recebi o serviço com conciliações atrasadas em três meses. Hoje toda a conciliação dos quatro bancos está rigorosamente em dia.

02/1980 - 09/1982

Braun Chemicals Empresa multinacional americana fabricante de corantes, pigmentos, plásticos etc.

Digitador (1980/81)

Responsável por toda digitação dos pedidos de vendas da empresa. Fiz várias sugestões para agilização do serviço que foram aceitas e implantadas pela área de informática da empresa. Estas sugestões possibilitaram maior agilidade e maior eficiência no atendimento aos clientes.

Minhas principais realizações foram:

Implantação de relatórios de acompanhamento diário de pedidos pendentes.

Implantação de relatórios mensais de faturamento.

Implantação de relatórios gerenciais do faturamento.

DADOS PESSOAIS

Brasileiro - casado - dois filhos

Perguntas e Respostas da Principais duvidas ao Elaborar um Currículo

1-Que tipo de currículo devo usar ?

Não existe modelo ideal para a elaboração de um currículo. Defina seu objetivo, ressalte suas principais habilidades e realizações e adapte o currículo ao possível empregador.

2-Que tipo de currículo devo usar se quero mudar de área ?

Não adianta nada fazer uma longa lista das empresas por onde passou pois, no máximo vai arranjar um trabalho na mesma área em que sempre atuou.

Destaque as habilidades transferíveis e outras qualificações que possam interessar a possíveis empregadores.

3-Como devo enviar o currículo para a empresa ?

Envie uma carta de apresentação de uma página somente com o seu currículo em anexo.

4-Para quem enviar o currículo ?

Enderece a pessoa certa. Caso não saiba quem é, telefone para a empresa e pergunte quem é o responsável pelo departamento.

5-Quais os principais erros cometidos ao elaborar um currículo ?

  • Enviar fotografia quando não é solicitado.
  • Apresentar um Currículo com erros ortográficos, rasurado ou pouco legível.
  • Apresentar um currículo desorganizado pois ele pode ser desclassificado.
  • Chamar atenção dos recrutadores para pontos negativos (Ex: conhecimentos razoáveis de ...)
  • Colocar informações como o nome e idade dos filhos, números de documentos (número do RG, titulo de eleitor, carteira profissional etc), cursos em excesso ou cursos fora do perfil profissional
  • Usar linguagem confusa ou rebuscada
  • Descrições muito detalhadas
  • Colocar assinatura
  • Colocar pretensão salarial ou salário anterior.
  • Colocar razões por ter deixado o emprego anterior. (somente explicar na entrevista).
  • Colocar raça, religião e filiação partidária;
  • Colocar referências (só apresentar se a empresa demonstrar interesse na contratação).

6- Como fazer um currículo com excelente aparência ?

  • Use papel A4 ou carta.
  • Usar tinta preta para imprimir.
  • Usar impressora inkjet ou laser. Use copiadoras somente se de excelente qualidade.
  • Imprimir somente em uma das faces.
  • No máximo duas ou três páginas variando de acordo com a experiência do candidato ou da necessidade de inclusão de itens técnicos. Em nenhuma hipótese elabore um currículo com mais que três páginas.
  • Use frases curtas. Máximo de cinco linhas.
  • Use espaços e margens idênticos do início ao fim do documento;
  • Se estiver usando um currículo cronológico use negrito ou tipos diferentes de letras para evidenciar o que for mais importante. Não exagere nos recursos gráficos. Escreva o suficiente para informar e despertar o interesse.
  • Use envelope grande para não amassar seu currículo.
  • Não encaderne ou coloque capa ou plastifique.
  • Não escreva à mão qualquer tipo de informação.
  • Não coloque foto.
  • Não escreva a palavra "CURRÍCULO" no cabeçalho.
  • Não assine o currículo.
  • Não envie mais de uma cópia para uma mesma empresa.
  • Não anexe documentos ( a não ser quando solicitado) .
  • Use fontes Arial, Courier ou Times New Roman reconhecidas como as mais agradáveis para leitura. Corpo 12 é o recomendável.

7-Como fazer um currículo se meu último emprego teve curta duração?

Escreva seu currículo em ordem cronológica normal. Isto enfatizará os empregos mais antigos onde experimentou um longo período de estabilidade.

8-Como fazer um currículo quando não tenho muitas experiência ?

As seções de escolaridade e experiências profissionais são as partes essenciais do "currículo".

Para compensar a falta de experiência profissional forneça informações sobre atividades extra-profissionais (ex.: atividades de voluntariado que revelem o carácter e outras capacidades do candidato).

9-Como fazer um currículo quando existem períodos de desemprego significativos ?

Não inclua datas exatas de entrada e saída de empresas. Mencione anos.

10-Como fazer um currículo se tenho mais de 45 anos ?

Não coloque sua data de nascimento no currículo. Não mencione anos em que frequentou a faculdade (o que poderia indicar sua idade). Elimine alguns de seus empregos mais antigos.

11- O que é um Portfolio ?

É um conjunto de peças ou um dossier onde o candidato (normalmente da área de fotografia, joalheria, design ou moda, publicidade e arquitetura etc) apresenta exemplos de trabalhos realizados e demonstra sua capacidade técnica e criativa.

Não existem modelos de Portfólio.

Deverá ser criativo, imaginativo e original na apresentação de modo a valorizar os trabalhos executados.

Não deverá ser enviado com o currículo porém o candidato deve levá-lo para a entrevista.

15 Recomendações para Elaborar o Currículo Perfeito

  1. Elabore seu currículo tendo em mente seu objetivo e procure colocar as informações por ordem de importância. Informe primeiro as suas realizações/conquistas, atividades mais significativas e mais diretamente relacionadas com o cargo desejado, depois inclua as informações acessórias que podem ser úteis.
  2. Não usar abreviações. Se utilizar siglas, escrever logo de seguida o seu significado. Se utilizar números, não escrever por extenso;
  3. Somente use outro idioma em seu currículo quando enviar o currículo a uma multinacional ou quando o próprio anúncio exija;
  4. Use a primeira pessoa. Exemplo: Implantei, construí, vendi, organizei etc;
  5. Cuidado com erros de ortografia e gramática. A redação deve ser clara, sucinta, objetiva, em ótimo português ou idioma em que seja elaborado o mesmo, mas completo nas informações relevantes. Solicite uma revisão para um amigo que tenha bom domínio do português escrito;
  6. A informação apresentada deve ser honesta e verídica e sem exageros;
  7. Não utilize formulário-padrão. Ao responder a um anúncio personalize o currículo para aquela empresa valorizando pontos em função dos requisitos do anúncio;
  8. A realização de muitos estágios pode indicar instabilidade.
  9. Se a idade é inferior ou superior à exigida indique-a numa rubrica "Diversos" e destaque as qualidades e capacidades de adaptação à cultura da empresa;
  10. Use palavras positivas e que revelem dinamismo;
  11. Não junte cartas de referencias ou certificados de conclusão. Somente envie se solicitado;
  12. Não envie fotos com seu currículo exceto se solicitado. Neste caso envie uma foto séria;
  13. Não cite dados como nome dos pais, cor, altura, números de documentos (cpf, RG, titulo de eleitor etc);
  14. Não mencione a pretensão salarial nem último salário;
  15. Somente coloque referencias pessoais no currículo se a empresa solicitar. Informe nomes de pessoas que possam fornecer informações sobre sua identidade/ capacidade /honestidade pessoal. Deve-se ter cuidado todo especial na seleção de pessoas indicadas como fontes de referencias, quer pelo grau de amizade, como de confiabilidade.

Por hoje era isto espero que estas informações sobre como escrever bons currículos te ajudem a encontrar seu novo emprego.

Este artigo Guia de Como Elaborar um Excelente Currículo Profissional para Seu Novo Emprego foi postado pela primeira vez no Canal Guia Instituto Usuário Online.

quinta-feira, 16 de março de 2017

Guia para Empreendedor Trabalhar pela Internet e Ganhar Dinheiro de Verdade em 2017

Quer seguir uma carreira profissional diferente?

Ouviu falar em pessoas que empreendem, trabalham e ganham dinheiro pela internet?

Tem duvidas de como tudo realmente funciona?

Pois então deixe-me te dar um alerta:

  • Estas são perguntas que realmente poucos possuem a resposta.

A verdade é que existe uma infinidade de pessoas prometendo mundos e fundos como oportunidades do tipo,

“fique rico em 30 dias, “Entre já e garanta o seu lugar”…

Uma coisa muito importante que você precisa saber e já respondendo ao tema do artigo: sim, é possível trabalhar e ganhar dinheiro na internet, e digo mais, ganhar muito dinheiro.

Como é possível Trabalhar pela Internet e Ter Sucesso Financeiro

Um dos grandes motivos responsáveis pelo crescimento de renda através da internet foram às invenções dos programas de afiliados, oportunidades de marketing multinível online, conferencias online, e-books digitais, infoprodutos, e principalmente a larga expansão do mercado de web 2.0, as conhecidas redes sociais, que nós não conseguimos mais viver sem!

Com estes acontecimentos e tecnologias aprimoradas, as idéias aparecem!

  • Imagine ganhar muito dinheiro simplesmente promovendo os produtos de outras pessoas?

Você não precisará se preocupar com nada: desenvolvimento de software, criação de um site ou blog, gerenciamento de afiliados, pagamento de afiliados, estratégias de marketing e publicidade do produto ou serviço, qualidade do produto e muitos outros.

A única coisa que você terá que fazer é simplesmente promover a página da web que geralmente o próprio programa de afiliados te disponibiliza, ou mesmo comunicar sobre o negócio para seus amigos, conhecidos e parentes?

Isto é realmente impressionante e concordo, difícil de acreditar nos dias de hoje.

Principalmente se a sua família lhe educou com a crença de que é preciso trabalhar duro para se ganhar dinheiro. Acredite, eu sei, pois já passei por isto.

  • Se isto fosse realmente verdade, todos os operários de fábricas que trabalham 12h por dia, durante aproximadamente 30 anos para se aposentarem, estariam ricos não é mesmo?

Mas não é bem isto que acontece!

São as melhores idéias que fazem os verdadeiros milionários de hoje em dia, e não o suor que escorre pelos seus rostos devido ao trabalho braçal.

Você sabe quem é o criador do Facebook? Mark Zuckerberg.

Simplesmente com um investimento mínimo e inicial de seis mil dólares e uma única “ideia”

Quanto vale o Facebook hoje em dia? Alguns bilhões de dólares?

Esta é uma das grandes vantagens de se construir um negócio online, o baixo investimento inicial.

Hoje em dia, com algo em torno de R$ 50,00 a R$250,00, você pode iniciar um negócio altamente lucrativo.

O que você terá realmente que sacrificar em grande parte é o seu tempo, somente isto!

Então porque existem tantas pessoas que criticam e juram de pé junto que este negócio de ganhar dinheiro com a internet não funciona?

Simplesmente porque não encaram isto como um negócio, e sim como um hobby.  Já ouviu aquela famosa frase “a vamos tentar se não der certo tudo bem”

Se você já usou esta frase ou usa, faça um favor a si mesmo, tire esta frase de seu vocabulário. Isto elimina qualquer chance de você ter sucesso em sua vida.

Para ter sucesso em qualquer tipo de negócio, existe um ingrediente primordial chamado.

“Persistência” - não desista de seus objetivos 

Sem ele, você e o seu negócio não sobreviverão as primeiras 24h!

Pois então a pergunta que te faço é a seguinte:

  • Você realmente quer ter mais tempo para passar com sua família, podendo participar e ver o crescimento dos seus filhos, e principalmente, ter dinheiro para satisfazer todas as suas necessidades?

Esta disposto a fazer o que for preciso para atingir este objetivo?

Para ter sucesso no ramo da Internet hoje em dia, você não precisa ser nenhum expert da web ou um desenvolvedor de software. A única coisa que você precisa ter é força de vontade.

O material que é disponibilizado sobre o assunto, principalmente gratuito pela internet é realmente impressionante.

Já existem milhares de sites, e-books, campanhas, artigos, enfim, uma grande quantidade de conteúdo para ser estudado e analisado.

“A desculpa de que não ganhei dinheiro porque não funciona, não cola mais”!

Respondendo a pergunta de todas as pessoas que tentaram um negócio online e fracassaram referente ao porque o empreendimento não deu certo, pode ser resumida em duas palavras: FALTA DE QUALIFICAÇÃO.

Não existe outro motivo!

Por este motivo, se você possui o sonho de ser mais um empreendedor de sucesso da internet, ou simplesmente gostaria de possuir uma segunda fonte de renda complementar para a sua família, não desista!

Qualifique-se e ponha em prática seus planos de negócio online

Estude, aprimore os seus conhecimentos sobre o seu ramos de negócio e ponha em ação!

Se você não sabe por onde começar, ou simplesmente lhe faltam informações ou algum conhecimento específico sobre a área acredito que posso lhe indicar um grande começo para a sua jornada.

Você provavelmente já deve ter ouvido falar sobre o Guia do Empreendedor Online para guiar novos negócios.

Isto mesmo, apesar de seu nome comum, o ESTE GUIA é estritamente profissional e bem explicativo!

Finalmente foi lançado um curso sobre como ganhar dinheiro de verdade na internet!

Portanto se você deseja se profissionalizar na área e ter muito sucesso neste segmento, não deixe de ler este guia e analisar os seus benefícios!

Um grande abraço e MUITO SUCESSO!

Este texto Guia para Empreendedor Trabalhar pela Internet e Ganhar Dinheiro de Verdade em 2017 foi postado primeiro no Site Guia Instituto Usuário Online.

quarta-feira, 1 de março de 2017

5 Dicas de Como Conseguir o Emprego Ideal, Aquele Desejado e que Vale a Pena!

Veja 5 dicas que vão te ajudar nesta busca tão importante durante sua carreira profissional.

Nós todos desejamos conseguir o emprego ideal, assim como queremos descobrir o grande amor e ter uma vida repleta de felicidade.

Quem não almeja estes objetivos?

Ao parar para pensar 90.000 horas de nossas vidas são dedicadas ao trabalho.

Logo o ideal é ser apaixonado pelo que se faz.

Acreditar que trabalhar com o que ama é uma fantasia, é se manter fiel a uma ideia do passado.

Para ter a carreira profissional que tanto almeja é necessária dedicação, mas ela está ao alcance de suas mãos.

Portanto, siga as dicas a seguir e saiba como conseguir o emprego ideal dos seus sonhos.

  1. Conheça-se melhor e aprenda sobre seus desejos e propósitos na vida

Esta etapa pode ser bastante complicada e requerer ajuda das pessoas mais próximas.

O que aqueles que o cercam dizem sobre você pode auxiliar no próprio despertar para a vida, porém a palavra final é sempre pessoal.

Ainda assim, quando alguém lhe indica um talento você passa a pensar sobre ele e pode encontrar maneiras de aplicá-lo melhor no dia a dia profissional.

Se outras pessoas podem te ajudar em sua descoberta individual, pergunte a elas.

Escolha 10 amigos, colegas ou parentes mais próximos e procure saber quais qualidades eles encontram em você.

 

Faça das respostas um trampolim.

Pense melhor sobre todos os momentos da sua vida em que teve que agir, principalmente os mais difíceis.

Fazendo isso, perceberá qualidades que já possui mas que ainda não tinha parado para admira-las e se conscientizar sobre elas.

A chave para este exercício é entender a si mesmo e ser capaz de ligar o seu talento ao propósito traçado e objetivos de carreira.

Rascunhe todas as possibilidades que surjam em sua mente.

Talvez seja um pouco complicado no início, mas uma saída irá surgir.

Não desista!

Ao encontrar suas próprias resposta o seu nível de empenho e satisfação entrarão em um novo patamar.

  1. Comprometa-se consigo mesmo a encontrar seu caminho para o emprego ideal de qualquer forma

Você conhece alguém que alcança uma meta audaciosa sem compromisso?

Provavelmente não.

Quando a questão é sua carreira profissional o compromisso está entre as principais palavras chave.

Neste sentido você deve levar a sério suas decisões e batalhar para superar os obstáculos do caminho.

Seja perseverante e siga em frente, mas de forma criteriosa.

  1. Seja realista sobre suas necessidades financeiras básicas

Pensar de forma realista sobre o que é necessário para que viva bem é muito importante, porém ao trabalhar com algo que é uma paixão, possivelmente o dinheiro será uma consequência inevitável.

No mundo real, é importante descobrir quanto dinheiro você precisa para viver, mas este não deve ser um fator limitante.

Todos os ofícios podem remunerar bem, mas você precisa se diferenciar. Trabalhar com algo que acredita, facilita este processo.

Mas entre erros e acertos, preocupe-se sempre com a estabilidade.

A paixão é importante, mas é praticamente impossível construir a carreira dos seus sonhos sem nem ao menos conseguir arcar com as contas do mês.

  1. Proporcione a si mesmo choques de realidade periódicos

Não é sadio viver no mundo das nuvens sem querer voltar ao chão. Você deve se situar na realidade em que estamos. Assim, pergunte-se:

  • Será que toparia trabalhar, mesmo que de graça, com esta paixão? Caso a resposta seja afirmativa, o seu nível de dedicação possivelmente o levará ao sucesso.
  • Este ofício é divertido e traz satisfação? Se sim, este pode ser considerado mais um ponto positivo em sua empreitada.

Se as respostas as perguntas anteriores forem negativas, significa que talvez não seja a carreira dos seus sonhos, afinal ela não lhe realiza plenamente.

Sendo assim, poderá perder o foco durante o percurso, e isso leva ao fracasso.

  1. Seja paciente e perseverante, pois dinheiro e sucesso não chegam do dia para noite

Depois de muitas tentativas, com erros e acertos, provavelmente se encontrará e alcançará a vida que sempre sonhou.

Porém, este é um processo paulatino, o qual não se sabe quanto tempo pode levar.

Pode levar uma década ou dois anos.

O sucesso pessoal e profissional depende de vários fatores que muitas vezes não estão sobre o seu controle pessoal.

Assim, evite as frustrações e siga em frente.

Durante o caminho comemore todas as vitórias como se fossem únicas e plante novas sementes com empenho.

Agora uma dica bônus:

Para finalizar deixo um vídeo do grande Chespirito, sem duvidas apesar de ser uma comédia nos dá muitas lições ao encontrar as simpatias do emprego desejado ideal.

Vídeo como conseguir o emprego ideal com simpatia e bom humor

Este texto 5 Dicas de Como Conseguir o Emprego Ideal, Aquele Desejado e que Vale a Pena! foi postado pela primeira vez no Guia Instituto Usuário Online.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Novas Tendências para a Liderança Empresarial – Foco no Talento Humano

Atualmente as lideranças empresariais, tendem a cada vez mais aproximarem seu lado humano diante de seus companheiros de trabalho.

Aquela imagem de que existe um líder e seus seguidores, deve ser afastada, de modo a temporizar todas as ações do grupo esta em crise.

Lider deve ter Foco nos Talentos Humanos da Equipe

A potencialização dos  talentos humanos remete a um olhar mais crítico, onde a valorização das pessoas assume destaque em detrimento da  severidade nas relações hierárquicas.

O mundo hoje por ser dinâmico e estar sempre em constante mudança, traz consigo a necessidade de uma maior liberdade de escolha e ações.

E talvez a confiabilidade em talentos, a valorização pessoal, e a otimização dos afazeres diários, poderão fazer com que a cada dia, todos os resultados sejam potencializados de modo exequível e adequado.

A liderança servidora permite que os lideres setoriais, independente de sua denominação, tenha uma maior possibilidade de extrair ao máximo o talento de todos os seus comandados e companheiros de trabalho.

Nos dias atuais, a liderança autocrática tem perdido espaço, pois tal posicionamento pode levar o grupo ao afastamento e desunião.

Isso automaticamente levará a resultados inóspitos, que nada trará de lucratividade ao grupo, setor ou empresa.

O líder atual precisa ser um bom Coaching

O líder atual necessita potencializar ideias e também a utilização dos métodos crescentes no que se relaciona ao Coaching. Que utiliza diversas técnicas contemporâneos para liberar/acessar o potencial humano.

Outro modelo que se destaca é o de liderança democrática que incentiva no compartilhar de ideias, ouve as sugestões, estimula a participação, busca o consenso e decide.

Estes métodos servem principalmente para que todos participem das ações, e para potencializar talentos.

Não basta ter um talento, sem que ele seja trabalhado ao máximo. Como nos diz o treinador Bernardo Rezende (Bernadinho).

"Sucesso se faz através – Trabalho + Talento = Sucesso, destes 99,9% é trabalho e o restante é voltado ao talento".

Resumindo o a liderança moderna

O objetivo principal é desenvolver estudos que demonstrem a necessidade das mudanças de postura relacionadas aos modelos de  liderança, destacando os modelos de liderança servidora, autocrática, democrática e a liderança coaching.

O líder também  deve considerar os jovens de hoje nas suas relações e tensão com o ambiente organizacional. Destacando aspectos de salários, liberdade  e tranquilidade para exercerem suas funções tendo assim possibilidade de evidenciar e desenvolver seus talentos.

 

O Seguinte post Novas Tendências para a Liderança Empresarial – Foco no Talento Humano foi criado pela primeira vez no Guia Instituto Usuário Online.